segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Viagens no Batel "Sal do Mondego" - Figueira da Foz

Dias e horas das viagens de acordo com as marés:

Setembro de 2009

Dia 2: 12,45 h e 14,45 h
Dia 3: 13,15 h e 15,15 h
Dia 4: 14 h 3 16 h
Dia 5: 14,30 h e 16,15 h
Dia 6: 14,45 h e 16,45 h
Dia 9: 17.30 h
Dia 11: 18 h
Dia 13: 9 h
Dia 16: 12 h e 14 h
Dia 17: 13 h e 14 h
Dia 18: 13,30 h e 15 h
Dia 19: 14 h e 16 h
Dia 20: 15 h e 17 h
Dia 23: 17 h
Dia 24: 17,30 h
Dia 25: 18,30 h
Dia 26: 8,30 h
dia 27: 9 h
Dia 30: 12,30 h



  • Duração aproximada de cada viagem: 1h
  • Local de Embarque: Cais do Núcleo Museológico do Sal em Armazéns de Lavos
  • Nº de passageiros por viagem: máximo 11, mínimo 7
  • Custo: Gratuito após a visita ao Núcleo Museológico do Sal (2 €)
  • Nota: Comparência no local de embarque até 15 minutos antes da hora de saída
  • Marcações: Museu Municipal Santos Rocha: 233 402 840
  • Marcações com 1 dia de antecedência
Foto: Sónia Pinto

Foto: Sónia Pinto

Foto: Casa do SalFoto: Casa do Sal
Foto: Casa do Sal
Foto: Casa do SalFoto: Casa do Sal
Foto: Casa do SalFoto: Casa do Sal
Foto: Casa do SalFoto: Casa do Sal
Foto: Casa do Sal
Foto: Casa do SalFoto: Casa do Sal

Organização:
Câmara Municipal da Figueira da Foz /Divisão de Cultura, Museu, Biblioteca e Arquivos

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Dia 23 de Agosto no Museu do Sal: Massagem aos pés com sal e óleos essenciais - 5€


Dia 23 de Agosto no Museu do Sal


Massagem aos pés com sal e óleos essenciais - 5€

OFERTA ESPECIAL NESTE DIA

Na compra de 2 Produtos "Alquimia dos Sentidos" (Exfoliante, Bem-estar, gel de banho, shampoo ou condicionador) oferta da Massagem aos Pés.

Teresa Pina
(Alquimia dos Sentidos)

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Tapas e Petiscos da Casa do Sal da Figueira da Foz

Foto de João Cardoso

Tapas e Petiscos elaborados com:

  • Tomate biológico (ver artigo com os benefícios do tomate),
  • Salicórnia da Salina Eiras Largas
  • Azeitona da Quinta da Ribeira de Lodões, curadas com o Sal da Salina Eiras Largas, e temperadas com o Tempero Casa do Sal: alho, oregãos, limão e Azeite Virgem
  • Broa de milho da Fonte da Cheira, Coimbra

    Notícia da Casa do Sal, II Aniversário do Ecomuseu, no Pallhetas on-line

    terça-feira, 18 de agosto de 2009

    Tapas da Casa do Sal da Figueira da Foz no II Aniversário do EcoMuseu do Sal : 17 de Agosto de 2009

    Tapas e Petiscos da Casa do Sal da Figueira da Foz,
    elaborados com ingredientes das Salinas Eiras Largas.



    À direita: Sónia Pinto: incansável na promoção do EcoMuseu do Sal. Parabéns pelo 2º ano!


    Celestino Ruivo o "Cozinheiro Solar" que surpreendeu

    Sr. Quintaneira : o marnoto da Marinha do Corredor da Cobra, a Marinha do EcoMuseu.

    Sr. José Carlos, o marinheiro do Batel "Sal do Mondego"


    José Manuel Duarte que nos surpreendeu com o seu rosé

    Criações da Casa do Sal da Figueira da Foz

    Galheteiro com:
    • Azeite Virgem temperado com Sal Picante para Grelhados
    • Azeite Virgem temperado com Sal para Grelhados
    Azeite Virgem Extra com Salicórnia


    Produtos da Alquimia dos Sentidos que ofereceu diversas massagens aos pés

    Petiscos e Tapas Cozinhados em Fornos Solares, por Celestino Ruivo, no II Aniversário do Ecomuseu do Sal da Figueira da Foz

    Celestino Ruivo a explicar o funcionamento dos Fornos Solares

    Alguns Fornos Solares criados e construídos por Celestino Ruivo


    Celestino Ruivo a colocar a tampa por cima da panela, onde estão a cozinhar as sardinhas

    Sardinhas a cozinhar

    Arroz de salicórnia (sem sal) em cima de pimentos. Tudo cozinhado em Fornos Solares.

    As sardinhas já cozinhadas em Forno Solar.

    O Arroz de Salicórnia em cima de pimentos.
    Tudo cozinhado, por Celestino Ruivo, em Fornos Solares

    Iniciativa realizada em 17 de Agosto de 2009, no EcoMuseu do Sal da Figueira da Foz.
    Uma parceria entre a Câmara Municipal e a Casa do sal da Fiugueira da Foz e a colaboração do Prof Dr. Celestino Ruivo da Universidade do Algarve


    II Feira de Sal Internacional de Sal | El Puerto de Santa Maria, Cádiz | 28 de Setembro a 4 de Outubro de 2009


    sábado, 15 de agosto de 2009

    Casa do Sal da Figueira da Foz apresenta as suas novas criações


    Na próxima 2ª Feira, dia 17, pelas 12h, no Ecomuseu do sal da Figueira da Foz a Casa do Sal vai fazer a apresentação pública das suas novas criações com ingredientes das Salinas Eiras Largas.
    As novas criações, são:

    • Salicórnia seca para substituir o sal na alimentação
    • Salicórnia para saladas com Salicórnia seca e oregãos
    • Azeite Virgem Extra da Quinta da Ribeira de Lodões, em Vila Flor, Trás-os-Montes com Salicórnia da Salina Eiras Largas da Figueira da Foz
    • Azeite Virgem da Aldeia do Rabaçal, Concelho de Penela, com o Sal Picante para Grelhados da Casa do Sal
    • Azeite Virgem da Aldeia do Rabaçal, Concelho de Penela, com o Sal para Grelhados da Casa do Sal
    • Queijo Jorumelo do Lugar de Legacão, Aldeia do Rabaçal, cuja coalhada é temperada com o Sal da Salina Eiras Largas e quando já curado, é envolvido com o Azeite do Rabaçal e as Ervas do Sal Picante para Grelhados da Casa do Sal: alho, oregãos, alecrim e piripiri.

    No Ecomuseu do Sal serão feitas degustações destas criações Casa do Sal, com a aplicação em diversas Tapas Eiras Largas.
    Às 17h, do mesmo dia, serão apresentadas Tapas e Petiscos temperados com as criações Casa do Sal e cozinhados em Fornos Solares numa parceria com o Prof. Dr. Celestino Ruivo, professor da Universidade do Algarve e especialista em Fornos Solares.

    Neste dia também será apresentada a nova imagem da Casa do Sal da Figueira da Foz, uma criação de Miguel Rodrigues, incorporando uma aguarela da Artista Figueirense Tesha.

    Estas novas criações são fruto de pesquisas, experiências e testes realizados ao longo dos últimos anos e também resultado de trabalho em rede com outras microproduções artesanais, tanto do sector agrícola, como da transformação, comercialização e serviços.

    Esta iniciativa integra-se no 2º Aniversário do Núcleo Museológico do Sal da Figueira da Foz.

    A Casa do Sal da Figueira da Foz é um projecto que pretende contribuir para a viabilidade económica, social, cultural e ambiental da Salicultura da Figueira da Foz.
    Surgiu ancorado à Salina Eiras Largas, e tem divulgado do Sal da Figueira da Foz em vários eventos em Portugal, sobretudo na Região Centro.
    A Salina Eiras Largas está num processo de Certificação Aghrícola e do Sal com a SATIVA.

    Mais informações:

    Casa do Sal - José João Rodrigues - 912434316
    Fornos Solares: Celestino Ruivo - 918319210
    EcoMuseu do Sal: Sónia Pinto - 961695297

    Agosto com Sabor a Sal - Ecomuseu do Sal da Figueira da Foz


    clique nas imagens para ampliar
    Poderá também gostar de:

    sexta-feira, 14 de agosto de 2009

    Casa do Sal da Figueira da Foz apresenta as suas novas criações na próxima 2ª Feira, dia 17, pelas 12h, no Ecomuseu do San

    Na próxima 2ª Feira, dia 17, pelas 12h, no Ecomuseu do Sal da Figueira da Foz a Casa do Sal vai fazer a apresentação pública das suas novas criações com ingredientes das Salinas Eiras Largas.
    As novas criações, são:

    • Salicórnia seca para substituir o sal na alimentação
    • Salicórnia para saladas com Salicórnia seca e oregãos
    • Azeite Virgem Extra da Quinta da Ribeira de Lodões, em Vila Flor, Trás-os-Montes com Salicórnia da Salina Eiras Largas da Figueira da Foz
    • Azeite Virgem da Aldeia do Rabaçal, Concelho de Penela, com o Sal Picante para Grelhados da Casa do Sal
    • Azeite Virgem da Aldeia do Rabaçal, Concelho de Penela, com o Sal para Grelhados da Casa do Sal
    • Queijo Jorumelo do Lugar de Legacão, Aldeia do Rabaçal, cuja coalhada é temperada com o Sal da Salina Eiras Largas e quando já curado, é envolvido com o Azeite do Rabaçal e as Ervas do Sal Picante para Grelhados da Casa do Sal: alho, oregãos, alecrim e piripiri.

    No Ecomuseu do Sal serão feitas degustações destas criações Casa do Sal, com a aplicação em diversas Tapas Eiras Largas.
    Às 17h, do mesmo dia, serão apresentadas Tapas e Petiscos temperados com as criações Casa do Sal e cozinhados em Fornos Solares numa parceria com o Prof. Dr. Celestino Ruivo, professor da Universidade do Algarve e especialista em Fornos Solares.

    Neste dia também será apresentada a nova imagem da Casa do Sal da Figueira da Foz, uma criação de Miguel Rodrigues, incorporando uma aguarela da Artista Figueirense Tesha.

    Estas novas criações são fruto de pesquisas, experiências e testes realizados ao longo dos últimos anos e também resultado de trabalho em rede com outras microproduções artesanais, tanto do sector agrícola, como da transformação, comercialização e serviços.

    Esta iniciativa integra-se no 2º Aniversário do Núcleo Museológico do Sal da Figueira da Foz.

    A Casa do Sal da Figueira da Foz é um projecto que pretende contribuir para a viabilidade económica, social, cultural e ambiental da Salicultura da Figueira da Foz.
    Surgiu ancorado à Salina Eiras Largas, e tem divulgado do Sal da Figueira da Foz em vários eventos em Portugal, sobretudo na Região Centro.
    A Salina Eiras Largas está num processo de Certificação Agrícola e do Sal com a SATIVA.



    Mais informações:

    Casa do Sal - José João Rodrigues - 912434316
    Fornos Solares: Celestino Ruivo - 918319210
    EcoMuseu do Sal: Sónia Pinto - 961695297

    segunda-feira, 10 de agosto de 2009

    Feira da Saúde da Barra 2009 - Ílhavo


    Teresa Pina, da Alquimia dos Sentidos, a fazer massagens aos pés,
    na Feira da Saúde da Barra, Ílhavo, a 8 de Agosto de 2009.
    Em parceria com a Casa do Sal, Teresa Pina faz massagens
    no EcoMuseu do Sal da Figueira da Foz com o Sal da Salina Eiras Largas e Óleos Essenciais


    Em 2º Plano o Espaço do AgriCabaz | Casa do Sal da Figueira da Foz que estve presente na Feira da Saúde na Extensão do Centro de Saúde da Barra, a 8 de Agosto de 2009.

    Uma das novidades apresentadas foi o Gaspacho com Salicórnia e a Salicórnia seca com Oregãos para Saladas